Dificuldade e falta de clareza nos e-mails resultam em baixa produtividade nas empresas

   Em um mundo digital, no qual a comunicação é feita principalmente por meios eletrônicos, como e-mails e troca de mensagens instantâneas, saber se comunicar e ser compreendido é decisivo para o bom desenvolvimento do negócio. No entanto, muitas empresas ainda têm problemas nessa área. Em 2019, uma pesquisa da revista britânica The Economist, intitulada “Communication barriers in the modern workplace (Barreiras de comunicação no ambiente de trabalho moderno, em uma tradução livre)” comprovou isso. Na época, 44% dos entrevistados relataram que as falhas de comunicação causaram problemas relacionados à produtividade e à saúde dos colaboradores.
   No Brasil, o cenário não é diferente. Com pouco hábito de leitura, boa parte dos brasileiros ainda encontra dificuldades na interpretação de textos e, consequentemente, na hora de se expressar de forma clara e objetiva. Atenta a esta demanda do mercado crescente, a professora de Língua Portuguesa e idealizadora do curso de redação Escreva, Elaine Antunes, criou uma metodologia exclusiva para atender ao universo corporativo.
   “Hoje, a maior demanda está na estruturação de texto, com frases mal organizadas, longas, sem pontuação e até sem ideia completa. Em alguns casos, os e-mails são mal redigidos, sem a formalidade necessária no processo comunicativo e, por isso, o Escreva se propõe a sanar esses problemas de modo a otimizar a comunicação, com aulas ao vivo, na modalidade on-line, apostilas, exercícios e produção escrita”, explica Elaine.
   Recentemente, através de uma licitação, o Escreva ministrou um treinamento de redação técnica para os servidores da Secretaria de Fazenda do Estado do Paraná. Com uma metodologia customizada, tem sido possível orientar cerca de 60 profissionais ao longo de 3 meses. “Foi um processo intenso e muito positivo. Ao longo do curso, foi possível acompanhar o desenvolvimento dos profissionais e apresentar uma didática bem clara sobre a construção textual aplicada aos negócios. Agora, estamos analisando um novo projeto que visa atender cerca de 300 pessoas”, revela a professora.
   Os treinamentos oferecidos pelo Escreva atendem a todos os tipos de empresas/setores, sejam elas iniciativas públicas ou privadas, em todo o Brasil. Com uma metodologia customizada e em formato on-line, é possível solucionar demandas diferentes dentro de uma mesma organização e para um número grande de colaboradores. Atualmente, a consultoria é oferecida nos seguintes modelos: Treinamento para Comunicação Empresarial, Curso de Redação Técnica e Curso de Gramática, sempre aplicados aos negócios.
Compartilhar